imprensa

Atendimentos de controle de perdas do Samae aumentam 296%

Uma das metas do Serviço Autônomo Municipal de Água e Esgoto (Samae) de Brusque durante o ano de 2021, além de melhorar os processos de tratamento e fornecimento de água para regiões historicamente prejudicadas, também foi de diminuir o índice das perdas de água, sobretudo as ocasionadas por vazamentos visíveis e invisíveis.

Para tanto, mudanças estratégicas realizadas pela autarquia durante o primeiro semestre do ano passado resultaram num aumento de 296% no número de ordens de serviço relacionadas ao controle de perdas. Os números são referentes aos trabalhos realizados no segundo semestre de 2021, em relação ao mesmo período de 2020.

Ao todo, em 2020, foram atendidas 50 solicitações no período de 1º de junho a 21 de dezembro. Já no ano seguinte, no mesmo intervalo, foram 148 solicitações. Em relação ao tempo em que as equipes do setor de Controle de Perdas estiveram em campo, em 2020 foram 58 horas e 44 minutos. No ano seguinte, esse número aumentou para 216 horas e 52 minutos.

“Compramos novos equipamentos para os profissionais, ampliamos as escalas de trabalho do pessoal das pesquisas de vazamento e geofonia, que agora também atuam no período noturno, e melhoramos a nossa captação de atendimentos, tanto no presencial, quanto no ambiente online”, explica o diretor-presidente do Samae Brusque, Luciano Camargo. “E para 2022, a intenção é continuarmos ampliando estes serviços para cada ver diminuirmos as perdas de água”, finaliza.