imprensa

Mesmo com chuva, Samae dá seguimento na sua expansão de rede

Mesmo debaixo de chuva e, também, com a maior parte de seu efetivo atuando no reparo emergencial da adutora rompida após a queda da ponte Prefeito Antônio Heil, o Serviço Autônomo Municipal de Água e Esgoto (Samae) de Brusque deu continuidade, nesta quinta-feira, 10 de junho, aos reparos nas calçadas que foram destruídas durante os últimos dias, nas obras de expansão de rede.

Ontem, os serviços estiveram concentrados nas duas cabeceiras da ponte Antônio Nicolau Maluche. No local, calceteiros do Samae realizaram a concretagem dos passeios danificados durante a obra. Nesta sexta-feira, 11, está ocorrendo a continuidade destes serviços e, também, as pavimentações asfálticas nos espaços que foram abertos para a introdução dos novos tubos.

“Mesmo passando por dificuldades com o serviço emergencial na ponte, não deixamos passar em branco a obra que já estava sendo feita. Esse é o compromisso do Samae para com a população, que é manter essa ação tão importante. Para se ter uma ideia, se a expansão de rede já tivesse sido feita, a população não teria sofrido com falta d’água após a queda dessa ponte”, enfatiza o diretor-presidente da autarquia, Luciano Camargo.

A expansão de rede

Considerada a maior obra do Samae nos últimos anos, ao todo, serão mais de 8,5 quilômetros de novas adutoras que levarão mais água tratada para regiões historicamente deficitárias, como Dom Joaquim, Ribeirão do Mafra, dentre outros. São aproximadamente R$ 9 milhões investidos nesta ação, que diminuirá consideravelmente os impactos dos desabastecimentos d’água em Brusque, sobretudo nos períodos de estiagem.